O BRASIL COMEÇA DEPOIS DO CARNAVAL! (EU TAMBÉM!)

Padrão
Reza a lenda que, no Brasil, tudo só funciona depois do carnaval. É apegada a esse conceito que saio “à francesa” da minha irresponsabilidade.

Explico melhor, primeiramente gostaria de fazer uma súplica a todos os fãs e leitores fieis do “Mineiras uai”. Preciso que vocês me ajudem, através de súplicas e orações, a fazer com que a Lúlis e a Anita (parceiras do blog) não me desvinculem do trio Mineiras. Concordo que fui extremamente irresponsável para com minhas obrigações. Mas, prometo que foi só uma fase da Dodô preguiçosa

Daqui pra frente tudo vai ser diferente…

“Juramento”

“Eu, Donária, mais conhecida como Dodô e/ou Dô,
prometo ser fiel e cumprir todos os meus compromissos
perante o blog: mineirasuai.
E se houver qualquer infração grave, aceito ser punida.”

Aiaiaiaiaiai……pega leve, galera!

Agora falando sério: Estou vendo, ou melhor, estou lendo aqui, que o carnaval das minhas amigas blogueiras foi pra lá de animado. O meu carnaval não ficou pra trás, e claro, não poderia deixar de ser na bucólica Cipotânea. Foi bom demais da conta, sô!!! Encontrei com minhas amigas que estavam de férias (Fernanda e Kátia), e juntas, fomos todos os dias para uma cidade vizinha que chama-se Alto Rio Doce….que piração.

Ah, se Alto Rio Doce, falasse. Acabei encontrando uns garotos de São Paulo, pelo 3º ano consecutivo. Não posso dar muitos detalhes, pois não quero aumentar a minha fama de Dô doidinha. Só sei que esses garotos são tudo de bom, pena morar tão longe. Ano passado fiquei intrigada com um deles, pois pensei que ele fosse gay. De acordo com uma prévia análise, o comportamento dele era uma tanto quanto, esdrúxulo. Acho que foi implicância minha. Tanto foi, que esse ano ele estava sempre ao meu lado. Beijo pra você !
Ah, bjoca também para o Lú, o Jú e o Bruno…ufa…quanto homem bonito, meu Deus!

Na segunda-feira de carnaval estava tão bom, que, lá pelas 22:00h, quando íamos embora para minha cidade. Eis, que eu decidi ficar sem eira nem beira e com a fé e a coragem, na tal cidadezinha. Só dava eu, sozinha no meio da galera (sem detalhes), no outro dia fui embora de ônibus. Cheguei em casa almocei, tomei um mega banho e voltei para o Santuário!! Bebida???? Aiai. Beijos? Ufa.., é melhor ficar caladinha. Já falei demais.

Mudando, novamente, de assunto, estou um pouco chateada comigo mesma. Pois, ultimamente venho decepcionando uma pessoainha muito querida. Pra melhorar, outra vez por causa da danada da minha irresponsabilidade. Apesar dela me considerar um pouco infantil, inconstante, irresponsável e às vezes inconveniente…..nossa, ela me odeia…brincadeirinha. Sei que lá no fundo, ela me ama, né Dotora? Gostaria que ela soubesse que apesar desse meu jeito, que está longe de agradar a gregos e troianos, sou fã de carteitinha dessa dotorinha de cabelos negros e encaracolados, branquinha e baixinha e brava como o cão e com um coração gigante.

Ela nasceu em São Paulo, mas ama Minas e odeia mineirices (diminutivos e girais jecas) odeia gerúndio, ama protetor solar, tem alergia a esmalte, é fã de filmes não hollywoodianos, adora uma boa música, ama arte, ama ler. É competente, inteligente e ultra, mega e super sobrecarregada com serviços advocatícios (um absurdo). É conhecida como: Magnânima, Magnífica… e por aí vai. Ela é nada mais nada menos que minha :”Poderosa Chefinha”. Ela está em pé de guerra comigo por minha culpa, minha máxima culpa. Só me resta 1 semana de convivência diária com ela, pois, já anunciei minha saída. Mas, o pior é admitir que ela tem RAZÃO. Todos os adjetivos descritos acima se encaixam em mim, exceto: “cabelos negros e alergia a esmalte”, deve ser por isso que gosto tanto dela assim. Ô lindona te encontro pelo mundo, e não fica brava não, tá! Só vou te contar um segredinho: “quando você fica brava dá vontade rir, porque não dá pra acreditar”.

Estou prontíssima para vida pós – carnaval! E, que venha a Semana Santa!
Na próxima semana, estarei aqui, com mais novidades!!!

Bjos da Dô!

Anúncios

Sobre Ana Letícia

@analeticia Autora do blog Mineiras, uai! desde 2004, nasceu em Belo Horizonte-MG. É advogada e sagitariana. Gosta de poesia, literatura, fotografia música boa e dança clássica, contemporânea, de salão, etc. Já quis ser bailarina, como toda menina, e até hoje fica nas pontas dos pés. Participou do Projeto Macabéa com outros escritores blogueiros do Brasil, e foi uma das editoras do Castelo do Poeta, junto com seu primo, o saudoso poeta João Lenjob.

COMENTE!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s